Cardiomiopatia Hipertrófica

A cardiomiopatia hipertrófica pode afectar pessoas de todas as idades e ocorre quando o músculo cardíaco engrossa de maneira "anormal". Esse engrossamento acontece no ventrículo esquerdo. A cardiomiopatia hipertrófica pode ser obstrutiva ou não-obstrutiva. No tipo obstrutivo a parede (septo) que separa os lados direito e esquerdo do coração engrossa e salienta-se para o ventrículo esquerdo. Essa saliência bloqueia o fluxo de sangue para fora do ventrículo. Então, o ventrículo deve trabalhar mais fortemente para bombear sangue, de modo a que este passe pela tal obstrução e vá para o corpo.


Os principais sintomas são: excesso de tonturas, perdas de fôlego ou desmaio. A cardiomiopatia hipertrófica obstrutiva também pode afectar a válvula bicúspide do coração, fazendo com que o sangue vaze de volta para a válvula.

Na cardiomiopatia hipertrófica não-obstrutiva o músculo engrossado não bloqueia o fluxo sanguíneo para fora do ventrículo, podendo ser considerada menos grave.

Algumas pessoas com cardiomiopatia hipertrófica não apresentam sintomas. Outras têm sintomas severos ou desenvolvem complicações como arritmia séria. Cardiomiopatia hipertrófica pode ser herdada de um gene mutante ou desenvolvida ao longo do tempo devido à pressão alta ou envelhecimento.

Muitas vezes a causa é desconhecida.

Com este vídeo pode ser que percebam melhor como "funciona" essa doença:


Mariana :)

2 comentários:

Priscila Esteves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Priscila Esteves disse...

meu esposo descobriu que estava com esse problema a 5 anos foi feito a embolização septa a 2 anos e meio foi colocado o CDI e toma os medicamentos a seis messes voltou a passsar mal sentindo muitas dores no peito nos braços,tonteia, fadiga,canseira falta de ar.Agora ele vai entrar na fila de transplante.ele faz o tratamento em Goiânia-Goiás na clinica encore co a médica Dra.Lesley é um amor de pessoa explica bastante e bem educada. agradeço a Deus pela vida do meu esposo que e uma benção pra mim.tenham fé e viva normalmente.

Enviar um comentário